• Clarissa E. Desterro

TESTAMENTO DE JUVENTUDE - UM POEMA

Atualizado: 21 de Jun de 2018

No ano de 2018, completamos 100 anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Esse poema foi escrito em homenagem a esse momento.




No ano de 2018, completamos 100 anos do fim da Primeira Guerra Mundial. A Grande Guerra foi um conflito armado que durou de 28 de julho de 1914 a 11 de novembro de 1918, e envolveu as grandes potências europeias da época: Inglaterra, França, Rússia, Alemanha, Áustria-Hungria e o Império Otomano, além dos Estados Unidos e da Itália.


Vera Brittain, Juventudes Roubadas

"Não a esse círculo de vingança sem fim. Eu digo não mais"

Eu tive a ideia para escrever esse poema enquanto ouvindo a música Youth, da Daughter (clique aqui para ouvir). Por isso, a referência a ela, especialmente nas repetições, existe, e é deliberada. Quando terminei de ler, não conseguia parar de me lembrar de um filme muito bom que tinha assistido a algum tempo, o Juventudes Roubadas, estrelando a Alícia Vikander. A referência a ele acabou ficando por conta do título, Testamento de Juventude (o nome do filme, em inglês, é Testament of Youth). Agora, sem mais enrolação, fica ai meu poema para vocês:



Testamento de Juventude

Está frio aqui fora

Cai a chuva, molha o chão

Todo dia andamos, sem saber onde vamos

Nem se vamos chegar, nem se vamos voltar

Onde estamos, sabemos

Cada lugar pode ser nossa cova

Aquele céu, nossa mortalha

Aquelas estrelas, os anjos que nos darão alento

Ao ver-nos padecer

Somos uma geração desperdiçada

Com nossas vidas jogadas fora

Nossa juventude foi roubada

Em uma trincheira enterrada

Procuramos visões de nosso futuro

Mas morreremos antes de chegarmos lá

E um dia nossas histórias contarão a verdade

Quando nossos corpos não puderem testemunhar

E nossa juventude vai sendo comprada

Em nossas mãos, uma arma é colocada

É vencer ou morrer

Ou morrer p´ra vencer

Aqueles homens que vimos marchar

Jovens fortes a lutar

Hoje apodrecem sob nosso chão

Para honrar o nome da nação

E é assim que percebemos

Que se você ainda está respirando

Você é um sujeito de sorte

Pois muitos de nós já somos cinzas

Que escurecem o céu com a morte

E quando, feridos, cansados,

Frios, machucados

Queremos parar

Temos de lembrar

Há alguém contando conosco

Para lutar essa guerra

Vencer essa guerra

Em seu lugar

Quando nem a pátria vale a morte

Então lembramos do inevitável

Existe alguém esperando por nós

E só então percebemos que estamos prontos

A dar a vida por um sorriso

E é por isso que nos acostumamos

Acostumamos a ver a dor

De receber cartas póstumas

De seu finado amor

E esperamos o inimigo

Tão humano quanto eu

Mate ou morra, é o que dizem

Será ele, ou serei eu?

E é assim que percebemos

Que se você ainda está sangrando

Então você é um sujeito de sorte

Pois muitos de nós já se afogaram

No mar de vermelho carmim

E vão sendo ceifadas as vidas

De homens de honra que servem a morte

Não por vontade, nem pela nação

Mas por amor a vida e ao seu irmão

E é assim que percebemos

Que se você ainda está gritando

Então você é um sujeito de sorte

Pois muitos de nós adormecem em morfina

Sem jamais despertar

E vão sendo deixados de lado

Anos não vividos

Sonhos que ficaram para trás

Sufocados em explosões de gás

São fuzilados amores

De amantes separados

Pois tudo é válido quando em nome

Da Entente e dos Aliados

É isso o que eles fazem

Ateiam fogo ao mundo

Só por diversão

Pois é sempre bom brincar de guerra

Sentado ali, a fumar

Planejando jogos de combate

Para outro jogar

Pois quem não luta, não morre

E não é ele que vai lutar

E na luta de anjos e demônios

Deus sempre é mencionado

Mas lembre-se que é do vencedor

Que ele sempre esteve do lado

E é assim que percebemos

Que se você ainda está lembrando

Então você é um sujeito de sorte

Pois muitos de nós já não recordam

Do que aos nossos filhos foi legado

No testamento de nossa juventude

Clarissa Desterro, 2017



Vou adorar ver qualquer opinião, crítica construtiva, ideia ou pedido. Basta deixar ai embaixo nos comentários! Prometo responder o mais rápido possível

Yours Truly,

Clarissa Desterro

19 visualizações
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Pinterest Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2023 by Shades of Pink. Proudly created with Wix.com

  • Grey Instagram Icon
  • Clique aqui para ver meu canal!